Bebês que não dormem a noite toda

Eu continuo com a minha saga para fazer o Fabrizio dormir a noite toda...
Vou iniciar contando como o problema começou...
Quando fomos morar no nosso apartamento o Fabrizio estava com 20 dias (até então estávamos na casa da minha mãe até a liberação do apê). Nessa época não tinhamos sofá. Além disso, eu não comprei (por falta de R$) a tal da poltrona de amamentação. Em razão disso, quando o Fabrizio acordava de madrugada para mamar eu tinha duas opções: sentar na cadeira, no puff ou na cama do casal. Até recorri ao puff nos primeiros dias, mas isso acabou com as minhas costas. Então optei por amamentar na cama, sentada. Na medida em que os dias foram passando e a exaustão chegando, passei a amamentá-lo deitada. Tinha noite que ele dormia com o peito na boca e eu acordava umas 2 horas depois com o peito de fora e o lençol todo molhado de leite. E foi assim que ele "se mudou" para o nosso quarto, mais especificamente para a "cama do casal", já que o quarto não comporta o berço. Eu dormia muito mal, em cima de um dos braços. No dia seguinte acordava toda dolorida. Não demorou para chegarmos à conclusão de que a cama não acomodava nós três de forma confortável. Então eu inverti o jogo: me mudei para o quarto do meu filho. Por favor não me xinguem, já basta o ódio que eu tenho de mim mesma... Ele até dormia no quarto sozinho, mas na primeira acordada eu saia da minha cama e dormia com ele no colchão no chão do quartinho. Ou seja, seis por meia dúzia.
Meu outro erro foi amamentar em livre demanda. Ás vezes nem era fome o motivo do choro, mas era só dar uma reinadinha que lá ia o peito pra boca. Resultado: não pegou chupeta e passou a "chupetar" o peito.
Se arrependimento matasse...
Com 5 meses e meio o Fabrizio foi para a creche. Eu achei que ele iria sofrer muito por conta dos vícios. Mas me surpreendi. Ele come de tudo na creche (menos a mamadeira) e dorme nas sonecas com horários pré-fixados pela creche. Mas em casa não houve melhora: continuou querendo peito quando está com sono e acordando várias vezes durante a noite.
Eu comprei o livro Nana Nenê, do Gary Ezzo e Robert Buckmann, e li inteirinho. As dicas ali contidas são ótimas, mas para quando se está grávida ou com um bebê recém-nascido. Acho muito complicado de aplicar a técnica em bebês já cheio de "vícios".
Nem preciso dizer que hoje, 9 meses depois do nascimento do meu filho, eu estou um bagaço da laranja.
Ja tentei de tudo. Uma noite fiz um verdadeiro ritual: amamentei, dei banho com chá de camomila, dei chá de erva doce após o banho e coloquei para dormir. Acordou várias vezes a noite.
Segunda-feira eu assisti um vídeo no you tube. É um programa chamado "doces sonhos". A pediatra acompanhou uma família com dois filhos. A caçula, com 6 meses, dormia no quarto do casal e acordava diversas vezes a noite. Ela concluiu que, como a bebê jantava na escolinha às 15:30, ela sentia fome durante a noite. Assim, recomendou que a mãe desse o jantar às 19:30.
Na segunda-feira mesmo decidi tentar novas estratégias. Passei a dar uma segunda janta às 19:30. Banho às 20:30. Mamá (peito) às 21:00 e dae ele adormece no peito. Calma, sei que ainda está errado mas tem que ser uma coisa de cada vez. Coloco no berço desmontável (no quarto dele). Lá pela meia-noite ele acorda e dou o peito e ele dorme de novo (tb está errado). Coloco novamente no berço e vou dormir na minha cama. Dae ele acorda às 2h e então eu me mudo para o quarto dele (tb errado) e durmo com ele no colchão no chão, mas não dou o peito. Faz 3 noites que estou fazendo isso. O meu objetivo é, primeiro, fazer com que ele pare de mamar durante a madrugada. Fome eu tenho certeza que não é, já que agora ele janta às 19:30.
Ele chora bastante, mas aquele choro meio preguiçoso, mais um resmungo do que choro. Dae fica se empuleirando em cima de mim, fica puxando o meu pijama. Me corta o coração.... mas eu preciso ser forte.
Depois de 3 noites nesse ritmo, eu fui promovida de bagaço da laranja a zumbi moor....
Para ser bem sincera, não sei se terei sucesso, já que tá tudo errado desde o começo, mas preciso tentar para o bem do meu filho, do meu casamento e, principalmente, da minha sanidade mental e física.

3 comentários:

Noiva Cuiabana disse...

Dressaa sua fofaaa muitooooooooo obrigadaa pelas dicas! Com certeza seguirei! Tenho uma amiga que me deu uns toques sobre o sono do bebe e já penso niso desde agora sim! Vou procurar comprar o livroo que vc disse pois adoroo ler tudo sobre bebes!
E continua firmee ai no seu propósito e fazer o Fabrizio dormir sozinho q vc vai conseguir!

Bjoo

Tatiane Freitas disse...

Dressa, meu bebê está com 35 dias de vida e ele já tem um ritmo bom para mamar, mama de 3 em 3 hs mas de vez em quando pede um pouco antes e eu cedo e dou... ele dorme a noite toda, só acorda pra mamar ás 3 e ás 6 da manhã.
sendo que vamos pra cama ás 10 hs então da pra descançar bastante. e graças a Deus ele não tem cólicas o que faz com que tenhamos um sono mais tranquilo tbm.
espero que vc consiga mudar a rotina do Fabrizio. beijoss

Andressa Milani disse...

Meninas, obrigada pela torcida. Sei que é cedo para cantar vitória, mas essa noite consegui registrar um certo progresso. Ontem eu trabalhei até às 20:30 e, como todas as quinta-feiras, o Fabrizio ficou com a vovó Marilda. Cheguei às 21:10 para buscá-lo e ele estava dormindo (buáááá). Tadinho, anda mega cansado por conta das noite mal dormidas. Dei mamá lá mesmo e fomos para casa. Ele dormiu o percurso todo. Nem banho eu pude dar nele. Coloquei ele no berço e fui cuidar de arrumar as coisas do dia seguinte (fraldas, roupas e outros apetrechos na bolsa da creche, minha roupa do dia seguinte, arrumar a cama, dar uma ajeitada na casa, tomar meu banho). Ás 22:30 ele acordou. Dei mamá, coloquei a fralda noturna e berço. Acordou às 02:00 e lá fui eu para o quartinho dele. Não dei o peito. Até aí tudo igual às outras noites. A diferença é que ele não ficou muito tempo acordado. Bulinou um pouco na minha roupa e desistiu rápido, deitou comigo e dormiu. Como ele dormiu rápido eu voltei para a minha cama e o deixei no colchão no chão (não quis arriscar movimentar demais ele para por no berço e ele acordar). Dae ele acordou só às 05:30 (dae eu dei mamá, pois havia mamado há 7 horas). Sei que o avanço é tímido, mas não dá para não ficar um pouquinho feliz... Hoje é sexta e como amanhã posso aproveitar as sonecas diárias dele para dormir tb, hoje vou pegar pesado: depois da última mamada às 22:00, vou tentar segurá-lo sem mamar até às 07:00. Me desejem sorte!!

Postar um comentário